Você está visualizando atualmente Material escolar, 6 dicas para economizar sem sofrimento

Material escolar, 6 dicas para economizar sem sofrimento

Descubra 6 dias não tão obvias para economizar nas compras de material escolar neste começo do ano quando as contas chegam com força!

Bom, acredito que você já esteja procurando pela internet bons descontos para aproveitar ao máximo a lista que veio da escola mas, sem deixar de comprar aquele material escolar bonito.

Pensando nisso, separei algumas dicas não tão obvias para você dar uma boa economizada neste começo de ano onde as contas chegam com vontade ao nosso bolso.

Claro, algumas irão exigir um pouco mais de energia para executar mas, você pode adaptar como pude e seguir aquelas dicas que conseguir executar.

Material escolar, 6 dicas para economizar sem sofrimento

1 – Renda Extra para comprar material escolar.

Sei que você pode pensar que está sem tempo para fazer mais alguma coisas mas, se seus filhos já são adolescentes, pode envolve-los nesta tarefa.

Por isso, vou listar algumas ideias para conseguir dinheiro nesta época para pagar não só o material escolar mas, algumas contas de começo de ano. Depois, é só escolher aquela que mais cabe em sua realidade:

  • Se você for de grandes centros urbanos, venda itens de carnaval. Apesar da data acontecer após o inícios das aulas, pode ajudar na fatura do cartão que você comprou o material escolar. Ex: abadas, maquiagem na rua, comida, agua, bijuterias, roupas, calçados, copos personalizados para bloquinhos, papel higiênico na rua ou qualquer outra coisa que sua criatividade tiver.
  • Se você morar em cidades do interior, pode investir em itens de porta á porta para vizinhos e amigos devida a distância ser menor entre as pessoas: comida, roupas, calçados, bijuterias, cosméticos, etc. Pode oferecer pequenos serviços de pintura, reparos e cortes de grama. Se você quer economizar, não tenha vergonha e ofereça aquilo que sabe fazer! Não sabe nada? O youtube tem aulas de reparos, como pintar portão, trocar lâmpada, cortar grama, etc.
  • Existem outros meios online como afilados mas, demora um pouco mais para receber e talvez essa forma de ganhar dinheiro não seja tão eficiente para retorno rápido e necessita um pouco mais de estudo para não cair em golpes. Esses programas não são ruins mas, demora um pouco mais para ter um retorno para conseguir comprar material escolar para ontem!

2 – Pesquise preços de material escolar online e presencial.

Aqui é um dica bem básica mas, faça a lista com antecedência e nada de comprar na hora o que vem na mente. Dê aquilo que seu filho precisa e só depois, se sobrar algo, procurar material escolar bonito.

Se você mora em cidade com atacados, faça um pesquisa e cadastre-se em lista de ofertas. Além disso, dê uma olhada nas livrarias presenciais.

Um lugar que eu sempre recomendo e que dá mais comodidade para quem não tem muito tempo de sair é na shopee.

A shopee já se tornou um aplicativo muito conhecido e seguro onde você pode ir adicionando no carrinho e finalizar depois. Evitando aquele tempo correndo atras de ofertas presenciais. Além disso, você pode comprar de lojista diferente tudo no mesmo pedido. Mas, só compre de vendedores com recomendações e fotos de avaliação. Evite compradores da china devido a demora de entrega.

Ou seja, gaste um pouco de tempo para não gastar mais dinheiro que deveria.

3 – Criança pode escolher o seu material escolar?

Aqui a resposta é: depende! Se você tiver um pouco de paciência pode ser uma boa experiência levar a criança para aprender a controlar os gastos de uma compra.

Porém, se sua rotina é corrida demais, talvez não seja uma boa ideia. Eles são espertos e podem nos chantagear com nosso emocional cansado e, levar o que querem e não o que precisam.

Neste caso, você pode envolvê-los na criação da lista e, depois, você vai lá e compra. Isso vale para as compras online onde elas não vão junto.

Mas, para não deixa-los tão desanimados, deixe eles escolher um material mais caro e bonito, assim, eles se envolvem na pesquisa com mais vontade. O restante do material escolar é você quem manda.

4 – Analise o custo beneficio do material escolar

Aqui a dica é um pouco mais rápida pois, não exige grandes explicações. Imagine uma borracha ruim, uma folha de caderno que rasga fácil e um ponta de lápis que não para? Isso mesmo, nova compra de material escolar inesperada.

Não precisa comprar a marca mais cara do mundo mas, se você conseguir executar o passo 1, pode analisar a questão. Mas, sempre foque no mínimo de qualidade do material escolar.

5 – Compre com antecedência seu material escolar.

Outra dica rápida pois, agora você já sabe como conseguir mais dinheiro, já deve ter feito a lista e a pesquisa de preço, é só escolher a melhor data.

Qual a melhor data para comprar material escolar? Perto de começar as aulas? Não!

Sei que pode parecer muito trabalhoso mas, tente comprar no máximo no começo de janeiro. Aproveite sempre ofertas o ano todo e vá guardando escondido em um armário.

Apesar de não conhecer a lista de materiais totalmente, existem coisas que são sempre certas no material escolar como apontadores, lápis de cor, réguas. Só deixe para quase em cima da hora a mochila ou o caderno para a criança escolher como premio.

Claro, tudo isso depende muito da sua rotina. Senão conseguir fazer isso durante o ano, evite comprar em cima da hora pois, os preços aumentam e lojas estão super cheias para andar com os filhos, se deseja leva-los para aprender algo. Na verdade, o primeiro passos para ensinar é o planejamento antecipado. se você leva-los em cima da hora para comprar o material escolar, já esta falhando na missão.

6 – Evite excesso de compras e reaproveite material escolar.

Aqui resume tudo o que já falamos, se você seguir tudo certinho, o excesso não irá acontecer pois, ja fez a lista, pesquisou locais e ofertas, decidiu se leva ou não as crianças e escolheu a data. Ou seja, dificilmente irá falhar nessa questão pois, organizou tudo de forma antecidapa.

Na época de grande movimentação compre apenas o necessário mas, se ver alguma boa oferta, pode comprar mais de um item para guardar para ano que vem.

Lembre-se, nem tudo o que a escola manda você precisa comprar, pode denuncia-las por abuso. Além disso, nem todo ano mochilas, estojos e outros itens precisam ser trocados. Reaproveite material escolar!

Ou seja, seu filho precisa estar preparado para estudar e construir seu futuro e não para ir á uma competição de quem tem o material mais bonito.

Enfim, se ficou alguma dívida sobre material escolar, deixe nos comentários. Espero que você tenha gostado e compartilhe com seus grupos, amigos e amigas para que mais pessoas evitem grandes dividas logo no começo do ano.

Deixe um comentário